Concurso Sefaz DF: pregão para escolha da banca inicia nesta terça (25)!

Secretaria da Fazenda do Distrito Federal

Está programado para acontecer nesta terça-feira, dia 25 de setembro, o pregão eletrônico que irá definir a banca organizadora da seleção de Auditor Fiscal da Receita da Secretaria do Estado da Fazenda do Distrito Federal (Concurso Sefaz DF). O projeto básico com os detalhes do certame, como a estrutura das provas, já foi disponibilizado às empresas interessadas em participar da disputa. Com a escolha da banca, o edital fica mais próximo de ser publicado.

De acordo com o projeto básico, a seleção vai contar com três etapas, sendo elas, provas objetivas, provas discursivas e avaliação de vida pregressa. As provas objetivas terão 80 questões de conhecimentos gerais e 80 de conhecimentos específicos. A prova discursiva terá dois itens de conhecimentos específicos e uma dissertação.

Será cobrada na prova objetiva de conhecimentos gerais as disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática Financeira/ Estatística/ Raciocínio Lógico, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Empresarial/ Penal/ Civil, Tecnologia da Informação, Contabilidade Pública, Economia e Finanças Públicas. Já para conhecimentos específicos vão cair os conteúdos de Direito Tributário, Legislação Tributária, Auditoria Fiscal, Contabilidade Geral e de Custos e Direito Financeiro.

O projeto básico também dá uma previsão do cronograma de atividades do concurso, sendo:
   – Publicação do edital 30 dias após a assinatura do contrato
   – Provas objetivas 120 dias após o contrato
   – Resultado final das provas objetivas e convocação dos candidatos para prova discursiva será 20 dias após as avaliações objetivas
   – Provas discursivas 10 dias após a convocação
   – O resultado final do concurso e sua homologação será 30 dias após as provas discursivas

O aviso de licitação para o pregão eletrônico que visa contratar empresa especializada para realizar o concursos foi divulgado no Diário Oficial do DF. O objetivo é organizar o novo certame do órgão, que visa preencher 120 vagas no cargo de auditor.

O objetivo é organizar o novo certame do órgão, que visa preencher 120 vagas no cargo de auditor.

Sobre o cargo ofertado no concurso Sefaz DF
São atribuições do cargo de auditor fiscal de receita: exercer as funções de lançamento, fiscalização, arrecadação e administração dos tributos de competência do Distrito Federal; proferir julgamento em processos administrativo-fiscais, observado o disposto no art. 31, § 2º, da Lei Orgânica do Distrito Federal; exercer as demais atribuições inerentes à competência da Subsecretaria da Receita (Lei nº 4.717/2011, artigo 4º). A remuneração inicial é de R$14.970,00 e a jornada de trabalho é de 40 horas semanais.

Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação ou habilitação legal equivalente, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação.

Andamento do concurso Sefaz DF
Seleção está autorizado desde o dia 4 de abril de 2018, pelo Comitê de Políticas de Pessoal.

O anúncio do concurso público para Auditor Fiscal da Receita do Distrito Federal da Carreira de Auditoria Tributária do Distrito Federal foi feito pelas redes sociais pelo governador do DF, Rodrigo Rollemberg, do dia (2/4). Serão ofertadas 120 vagas, sendo 40 imediatas e 80 para formação de cadastro de reserva.

“Assinamos autorização para dois novos concursos públicos muito esperados pela população de Brasília. Um concurso para auditor tributário, com 120 vagas, sendo 40 vagas e 80 para o cadastro de reserva”.

Comissão concurso Sefaz DF já formada
O órgão divulgou no Diário Oficial do DF do dia 17 de janeiro de 2018, a Portaria nº 16, que cria o Grupo de Trabalho com o objetivo de elaborar Termo de Referência para contratação de serviços de organização, planejamento e realização de concurso público, com a elaboração, impressão e aplicação de provas, para o provimento de cargos efetivos, de nível superior, de Auditor Fiscal da Receita do Distrito Federal da Carreira de Auditoria Tributária do Distrito Federal. O prazo para conclusão é o dia 15 de fevereiro de 2018.

Os preparativos para o concurso SEFAZ DF haviam sido anunciados em 2014, quando o governador da época autorizou o certame para um total de 100 vagas. A informação liberada em 2014 confirma a autorização para o provimento de 100 vagas e possibilidade de formação de cadastro de reserva.

O cargo de auditor da Sefaz DF exige dos candidatos nível superior em qualquer área de formação, pagando remuneração inicial para a carreira de R$ 14.970, mas ao passar dos anos (15 a 16) é possível ganhar até R$ 22.196,62.

“O Governo do Distrito Federal estava com o limite de despesa de pessoal estourado e este ano este limite foi abaixado, abrindo espaço em termos de responsabilidade fiscal para fazer concursos. Um dos concursos que ele pretende fazer, neste momento de crise para alavancar arrecadação, é o de Auditor Tributário”, salienta Egbert.

São estimadas 120 vagas no edital Sefaz DF na carreira de auditoria tributária e o último concurso foi organizada pela Fundação Carlos Chagas e o número de disciplinas deverá se manter, com direito tributário e legislação tributária do Distrito Federal na esfera de conhecimentos específicos e língua portuguesa, matemática, contabilidade comercial, contabilidade pública, e noções de direito constitucional, administrativo, comercial, penal e noções de informática, na esfera de conhecimentos gerais.

Último concurso Sefaz DF
O último concurso Sefaz DF foi realizado há 16 anos, em 2001, ofertando 200 oportunidades para Fiscal da Receita da Carreira Auditoria Tributária do Distrito Federal. Na época a remuneração inicial era de R$ 3.553,07.

O requisito mais importante para a vaga é possuir diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior.

Prova do último concurso Sefaz DF
Os candidatos do concurso Sefaz DF precisaram realizar prova objetiva, e na área de conhecimentos gerais foi cobrado: português; matemática; contabilidade comercial; contabilidade pública; noções de direito constitucional; noções de direito administrativo; noções de direito comercial; noções de direito penal; e noções de informática

Em conhecimentos específicos foi necessário estudar para: direito tributário e legislação tributária do Distrito Federal.

Critérios para aprovação no concurso ICMS DF:

Foram considerados aprovados na prova objetiva os candidatos que obtiveram nota igual ou superior a 60, separadamente, em conhecimentos gerais e conhecimentos específicos.

Detalhes concurso Sefaz DF:
Concurso: Secretária do Estado da Fazenda do Distrito Federal (Concurso Sefaz DF)
Banca organizadora: A definir
Cargo: Auditor
Escolaridade: Nível superior
Número de vagas: 40
Remuneração: R$ 14 mil
Situação: Banca em fase de escolha!
Previsão p/ publicação do edital: 2018
Link do último edital
Fonte: Blog Gran Cursos

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*