Aprovada a criação de 123 cargos para o concurso da Câmara de São Luís-MA

Câmara Municipal de São Luis - MA

O projeto de lei para a criação de 123 cargos para Câmara Municipal de São Luís, no Maranhão, foi aprovado na segunda-feira, 24 de setembro, pela diretoria da mesma casa. No entanto, para entrar em vigor, o projeto terá que ser promulgado pelo presidente da Câmara, Generval Leite, mais conhecido como Astro de Ogum, e publicado no Diário Oficial do Município.

Somente após essa etapa os 123 novos cargos poderão ser preenchidos pelos aprovados no concurso Câmara de São Luís-MA. De acordo com nota emitida pelo órgão, o edital deve sair até o final do ano. Já as provas objetivas deverão ocorrer até o início de 2019.

A Câmara confirmou que, simultaneamente à criação de cargos, realizava o processo licitatório para contratar a banca organizadora do concurso. Com a aprovação do projeto de lei para criação dos cargos, os trâmites para divulgação do novo edital devem ser agilizados.

As vagas autorizadas serão distribuídas entre os níveis médio e superior. O órgão informou a seguinte divisão dos cargos por nível de escolaridade:

O número total de vagas informado pela Câmara é menor do que a autorização para criação dos 123 cargos. O órgão, entretanto, não soube precisar o quantitativo exato que será oferecido pelo concurso. Segundo a Câmara, o número de vagas por cargo terá que ser recalculado. Os salários e as condições de participação no concurso ainda não foram divulgados.

Certame da Câmara Municipal de São Luís foi recomendação do MP-MA
A abertura de concurso para Câmara Municipal de São Luis é resultado de uma recomendação do Ministério Público do Estado do Maranhão (MP-MA). Segundo o acordo firmado entre as partes, o edital da seleção deveria ser publicado em junho. A publicação não ocorreu, pois a Câmara não tinha aprovado o projeto de criação dos cargos. O prazo para divulgação do edital, então, foi prorrogado para agosto, com provas em outubro e homologação ainda em dezembro deste ano. Os aprovados serão convocados para preencherem seus cargos a partir de 2019.

A alegação da Casa Legislativa foi a dificuldade na contratação da banca organizadora. Mesmo com um prazo maior, a Câmara ainda não abriu a seleção. Este será o primeiro concurso público do órgão. O presidente da Casa, Generval Martiniano Moreira Leite, mais conhecido como Astro de Ogum, anunciou os preparativos para o novo edital em outubro de 2017. Na ocasião, ele informou que a Câmara possui servidores com quase 30 anos de atuação em situação irregular. A intenção é que eles sejam submetidos ao concurso.
Fonte:Blog Gran Cursos

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*