Concursos 2018: Ministro anuncia retomada dos concursos! Veja TODOS os solicitados!

Ministério do Planejamento

Excelente notícia para os concurseiros/as de plantão. O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, informou na tarde da última segunda-feira (30) que o governo federal voltará a fazer concursos públicos em 2018.

Segundo o ministro, as seleções precisarão acontecer em virtude das muitas aposentadorias de servidores, nos últimos meses e previstas. Dados do Planejamento mostram que 40% dos servidores se aposentarão até 2027, o equivalente a 216 mil.

Ainda de acordo com Dyogo Oliveira, todas as propostas de novos concursos serão analisadas pelo Planejamento. Desde 2015, quando o país começou a enfrentar grave crise financeira, a pasta ‘pisou no freio’ nas autorizações de concursos, dando aval apenas para seleções urgentes.

Concurso federais já autorizados
Este ano o Planejamento autorizou a Abin a preencher 300 vagas, o Mapa a realizar concursos para 300 veterinários efetivos e 300 temporários e a AGU, extraoficialmente, a abrir concurso para 100 vagas na área de apoio.

Pedidos concursos 2018 federais
Como é de praxe, anualmente, até o dia 31 de agosto, o governo federal encaminha a proposta orçamentária para o ano seguinte. Isso foi feito na tarde quinta-feira passada, quando o Congresso Nacional recebeu o projeto da Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2018.

O Legislativo tem a tarefa de analisar, propor alterações e votar o texto até o dia 22 de dezembro. Antes de ser votado pelo Plenário, a proposição passar pela Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO).

Das vagas previsas, 6.564 são para criação e 4.404 para provimento em vários cargos. As oportunidades presentes no Orçamento são para os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

Para o Legislativo, 89 chances devem ser destinadas à Câmara dos Deputados, 70 para o Senado Federal e dez para o Tribunal de Contas da União.

No Poder Judiciário, a expectativa é de que sejam 53 vagas para o Supremo Tribunal Federal (STF), 720 para o Superior Tribunal de Justiça, 3.427 para a Justiça Federal, 780 para a Justiça Militar da União, 987 para Justiça do Trabalho, 58 para a Justiça do Distrito Federal e dos Territórios e oito para o Conselho Nacional de Justiça.

O Poder Executivo contará 3.220 oportunidades distribuídas entre a substituição de terceirizados, militares (Aeronáutica, Exército e Marinha) e Fundo Constitucional do Distrito Federal.

As demais chances no Orçamento de 2018 são para o Ministério Público Federal (7 vagas), Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (6), Ministério Público do Trabalho (12) e Defensoria Pública da União.

As chances previstas no projeto serão preenchidas por meio de novos concursos e seleções que estão em andamento, sendo que algumas dependerão de aprovação prévia de projeto de lei.

No momento, o Projeto de Lei Orçamentária Anual 2018 será avaliado pelo Congresso Nacional. A análise pode ocorrer até o final deste ano ou começo de 2018. Somente após a aprovação é que irá para a sanção presidencial. Depois de sancionado, é que as vagas poderão começar a serem preenchidas no decorrer do próximo ano. No entanto, os concursos para o Poder Executivo precisam ter autorização do Ministério do Planejamento.

Concursos públicos PLOA 2018
No quesito concurso público, o anexo V, que trata do provimento, admissão e contratação, há boas oportunidades para quem deseja ingressar em órgãos de destaque no cenário nacional. Entre eles, Senado Federal, Câmara dos Deputas, Tribunal de Contas da União e muitos outros.

Legislativo
– Na Câmara, estão previstas 89 contratação. Os cargos a serem contemplados não estão disponíveis, porém essa Casa já conta com valor de taxas de inscrição definido.

– No Senado Federal, sem concurso desde 2015, estão previstas 70 novas chances. Vale destacar que o órgão tem mais de 1.000 cargos vagos em sua estrutura.

– Agora se o seu interesse é na áreas fiscal, atenção! O Tribunal de Contas da União (TCU) prevê novas 10 contratações, devendo esse número ser bem maior até a abertura do concurso.

Poder Judiciário
Agora se o seu interesse é na área de tribunais, fique atento. A previsão é de 5.057 vagas e também de contratação de 976 servidores.

– Superior Tribunal Federal (STF) – 53 contratações
– Superior Tribunal de Justiça (STJ) – 50 contratações e criação de 670 vagas
– Justiça Federal (TRFs) – 316 contratações e criação de 3.111 vagas
– Justiça Militar da União (STM) – contratação de 40 servidores e criação de 740 vagas
– Justiça do Trabalho (TRTs e TST) – 480 contratações de servidores e criação de 507 vagas
– Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) – contratação e criação de 29 vagas
– Conselho Nacional de Justiça (CNJ) – 8 contratações

MPU e mais
Há ainda chances para os ramos do Ministério Público da União, Polícia Civil e Polícia Militar do DF, sendo o primeiro e o último aguardados para este semestre.

– Ministério Público Federal – 7 contratações
– Ministério Público do Distrito Federal e Territórios – 6 contratações
– Ministério Público do Trabalho – 12 contratações

Concursos públicos solicitados ao Planejamento
Diversos órgãos públicos enviaram solicitação ao Ministério do Planejamento para abertura de concurso público. Mais de 40, entre ministérios, institutos, agências reguladoras, corporações, tiveram seus pedidos protocolados, com oportunidades para carreiras de nível médio e superior e vencimentos iniciais que podem ultrapassar a casa dos R$ 20 mil.

Não há um prazo determinado para a resposta, mas nos últimos anos as vagas foram liberadas levando-se em consideração a grande necessidade do órgão e muita negociação de seus representantes. Um fator que contribui para o aval de grandes concursos federais em 2018 é a reforma trabalhista, que tem antecipado milhares de aposentadorias, que, caso não sejam respostas, podem levar um determinado ente público ao colapso.

Outro fator determinante é a melhora da economia. Segundo dados do IBGE, o PIB (Produto Interno Bruto) avançou 1,0% nos três primeiros meses de 2017 em relação ao 4º trimestre do ano passado, sendo determinante para a retomada do crescimento econômico brasileiro. Aliado a isso, temos a alta recessão do próprio Planejamento em relação à autorização de seleções nos últimos dois anos, o que tem agravado a situação já precária de órgãos considerados extremamente relevantes para a substancial melhora na arrecadação e consequentemente econômica, como é o caso das carreiras fazendárias (Receita Federal, CVM, Tesouro Nacional Susep, etc.).

Citando outras entidades que pleiteiam há anos e não podem mais adiar a oxigenação de seus quadros, temos as Polícias Federal (PF) e Rodoviária Federal (PRF). Somente nesses dois casos, o déficit é de mais de 10 mil servidores. Na PF, são nada menos que 7 mil, entre agentes, escrivães, peritos, delegados e área administrativa (agente administrativo).

As oportunidades aqui anunciadas podem ser abertas ainda este ano, caso sejam autorizadas, com o determinado provimento escalonado em anos seguintes (2018 e 2019, casos do Ministério do Meio Ambiente e suas autarquias (Ibama, ICMBio) e Ministério do Trabalho, com chances para auditor-fiscal, agente administrativo e diversos outros cargos.

Acompanhe todos os concursos solicitados abaixo.

– Concurso ATA Ministério da Fazenda
– Concurso Tesouro Nacional
– Concurso CVM
– Concurso SUSEP
– Concurso Receita Federal – Auditor e Analista
– Concurso Ministério do Trabalho (MTPS)
– Concurso AFT
– Concurso Banco Central (Bacen)
– Concurso ABIN – AUTORIZADO
– Concurso AGU
– Concurso PGFN
– Especialista em Políticas Públicas e Gestão governamental (EPPGG)
– Concurso PRF – Policial Rodoviário Federal
– Concurso PF – Agente, escrivão e delegado
– Concurso DNIT
– Concurso Ministério da Saúde (MS)
– Concurso Ministério da Cultura (MinC)
– Concurso MMA
– Concurso IBAMA
– Concurso ICMBio
– Concurso INPI
– Concurso FUNASA
– Concurso CNPq
– Concurso FUNAI
– Concurso Inmetro
– Concurso Ancine
– Concurso IPHAN
– Concurso ANEEL
– Concurso ANTT
– Concurso ANA
– Concurso CNEN
– Concurso IBRAM
– Concurso CADE
– Concurso Fundação Biblioteca Nacional (FBN)
– Concurso FUNARTE
– Concurso DNPM (MME)
– Concurso Fundação Casa Rui Barbosa
– Concurso Secretaria de Direitos Humanos (SDH)
– Concurso Ministério do Esporte (ME)
– Concurso FNDE
– Concurso Ministério Integração Nacional (MI)
– Concurso Ministério da Justiça (MJ)
– Concurso MCTI
– Concurso MEC
– Concurso MDIC
– Concurso Fundação Cultural dos Palmares
Fonte:Blog Gran Cursos

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*