Concurso TRF 5: Contrato assinado com a FCC! Inicial de até R$ 14 mil!

Tribunal Regional Federal da 5ª Região

Uma excelente oportunidade acaba de confirmar organizadora. Trata-se do concurso para o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (Concurso TRF 5), com jurisdição nos estados do Alagoas, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe. Em publicação no Diário Oficial da União desta sexta-feira, dia 22 de setembro, foi o extrato do contrato celebrado com Fundação Carlos Chagas (FCC) como entidade executora do certame.

Segundo a publicação, serão ofertadas vagas para provimento imediato e formação de cadastro de reserva para as carreiras funcionais do Poder Judiciário Federal, referentes ao quadro permanente do TRF da 5ª Região e das seis seções judiciárias, funções de técnico e analista judiciário, de níveis médio e superior. O edital TRF 5 deverá ser publicado até setembro.

Comissão do concurso TRF 5
Conforme publicado no Diário Eletrônico Administrativo do órgão do dia 26 de junho, está constituída a comissão a fim de coordenar a realização do Concurso Público para provimento de cargos e formação de cadastro de reserva das Carreiras Funcionais do Poder Judiciário Federal, referentes ao Quadro de Pessoal Permanente do TRF 5 e Seções Jurisdicionadas. São membros os servidores Maria Paula Maranhão de Queiroz Campos Lopes, Analista Judiciário, Matrícula ,e Soraya Maria Portugal de Oliveira, Técnico Judiciário, Matrícula.

Concurso TRF 5 já está previsto na LOA
Conforme informação do texto base da LOA (Lei Orçamentária Anual), já sancionada pelo governo federal, está prevista a realização de concurso público em 2017 para os cargos de técnico judiciário, analista judiciário e juiz federal substituto.

O órgão estima que 45.000 candidatos se inscrevam para funções de Analista. Para Técnico, de nível médio, a estimativa é de 60 mil candidatos pagantes inscritos. As taxas de inscrição serão de R$ 115, R$ 150 ou R$ 280. A previsão total de de arrecadação é de R$ 15.200.000,00.

Validade do último concurso TRF 5
A abertura de um novo concurso para o TRF 5 é inevitável, pois com o fim do prazo de validade último certame expirando, para o posto de analista vai até o dia 9 de janeiro de 2017 e, para o de técnico judiciário, até 13 de março de 2017, o concurso TRF 5 deverá ser publicado no início do segundo semestre.

Vale destacar que o órgão divulgou o edital com o concurso anterior no fim da validade do anterior, ou seja, há uma grande possibilidade que isso ocorra novamente.

O concurso anterior ao de 2012, realizado em 2008, tinha validade até 9 de julho para o cargo de analista e até 22 de agosto para técnico, tendo o novo edital publicado em 29 de junho de 2012.

Cargos do concurso TRF 5 – 2017
Tudo indica que a seleção deverá contar com os mesmos cargos da última, realizada em 2012 pela Fundação Carlos Chagas (FCC).

Veja abaixo as funções previstas no concurso TRF 5
Analista Judiciário – Área Judiciária
Requisito: diploma ou Certificado (acompanhado do Histórico Escolar) do Curso de Bacharel em Direito, reconhecido pelo MEC.
Atribuições: realizar atividades de nível superior a fim de fornecer suporte técnico e administrativo, favorecendo:

O exercício da função judicante pelos magistrados e/ou órgãos julgadores.

Analista Judiciário – Área Judiciária – Especialidade Execução de Mandados
Requisito: diploma ou Certificado (acompanhado do Histórico Escolar) do Curso de Bacharel em Direito, reconhecido pelo MEC.
Atribuições: realizar atividades de nível superior a fim de possibilitar o cumprimento de ordens judiciais.

Analista Judiciário – Área Administrativa
Requisito: diploma ou Certificado (acompanhado do Histórico Escolar) de Curso Superior de Graduação em qualquer área, reconhecido pelo MEC.
Atribuições: realizar atividades de nível superior a fim de favorecer o adequado funcionamento e desenvolvimento da organização.

Técnico Judiciário – Área Administrativa
Requisito: comprovante de Conclusão de curso de ensino médio (2º grau) ou equivalente, devidamente reconhecido.
Atribuições: realizar atividades de nível intermediário a fim de fornecer auxílio técnico e administrativo aos magistrados e/ou órgãos julgadores, favorecendo o exercício da função judicante e o exercício das funções necessárias ao adequado funcionamento da organização.

Técnico Judiciário – Área Administrativa – Segurança e Transporte
Requisito: comprovante de Conclusão de curso de ensino médio (2º grau) ou equivalente, devidamente reconhecido, e Carteira Nacional de Habilitação, categoria D ou E.
Atribuições: realizar atividades de nível intermediário a fim de zelar pela segurança dos magistrados, servidores, visitantes, instalações e bens patrimoniais do órgão, como também garantir a adequada condução de veículos oficiais.

O concurso TRF 5 DE 2012
Na ocasião, foram oferecidas vagas para formação de cadastro de reserva nos cargos de analista e técnico judiciários. Houve prova de conhecimentos gerais e específicos, além de prova discursiva (redação) para todos os cargos, sendo aplicadas nas cidades de Recife (PE), João Pessoa (PB), Natal (RN), Fortaleza (CE), Maceió (AL) e Aracaju (SE).

Foram aplicadas, ainda, prova prática de digitação para Técnico Judiciário da área Administrativa e para Técnico Judiciário da área Administrativa na especialidade de Segurança e Transporte.

Nomeações do último concurso TRF 5
De acordo com a Subsecretaria de Pessoal, sem prorrogação, foram nomeados 17 novos técnicos judiciários para o TRF5 (sendo um para a especialidade segurança e transporte), e dois analistas judiciários, um deles da área administrativa.

Para a Seção Judiciária de Pernambuco foram nomeados 158 novos servidores. Já a Seção Judiciária do Ceará recebeu um incremento de 132 servidores. Na Justiça Federal em Alagoas foram nomeados 77 servidores; Paraíba, 68; Rio Grande do Norte, 60; e Sergipe, 51 servidores.

Remunerações do concurso TRF 5
O sonho de servir à sociedade em um órgão famoso por oferecer boas remunerações não é o único combustível que deverá atrair milhares candidatos. A estabilidade no emprego, por conta da contratação pelo regime estatutário, é outro atrativo dos cargos do concurso TRF 5. Os iniciais das carreiras podem alcançar a casa do R$ 14 mil para analistas.

A remuneração do Analista Judiciário, Áreas Judiciária, Administrativa e demais especialidades serão de R$ 11.007, somado aos auxílios-alimentação e saúde, chegam a R$ 11.921, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$ 700, para candidatos que tenham filho.

A remuneração informada acima será acrescida, para a função de Analista Área Judiciária, Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal, de gratificação de atividade no valor de R$ 1.670,43, alcançando R$ 13.861, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$ 700, para candidatos que tenham filho.

O valor de um Técnico Judiciário é de R$ 6.709, somados aos mesmos benefícios básicos, é de R$ 7.893, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$ 700, para candidatos que tenham filho.

Todos os valores mencionados estão de acordo com a Lei 13.317, sancionada em junho deste ano pelo governo, onde são reajustados tanto o salário-base quanto a gratificação de atividade judiciária (GAJ). No topo das carreiras chegará, em 2019, a R$ 11.398 e R$ 18.701.

Detalhes concurso TRF 5:
Concurso: Tribunal Regional Federal da 5ª Região (Concurso TRF 5)
Banca organizadora: FCC
Cargos: Analista; Técnico
Escolaridade: Nível médio e superior
Número de vagas: A definir
Remuneração: Inicial de até R$ 14 mil
Situação: Edital IMINENTE
Publicação do edital: 2017
Fonte:Blog Gran Cursos

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*