Concurso DPE RS (Defensoria RS): Saiu o edital para técnicos e analistas! Inicial de até R$ 5.947!

Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Sul

Excelente notícia para os concurseiros/as gaúchos! O edital DPE RS para abertura de concurso público para a Defensoria Pública do Rio Grande do Sul (Concurso DPE RS) finalmente foi publicado. A novidade foi revelada nesta quarta-feira, 12 de julho, no site da organizadora a Fundação Carlos Chagas.

Ao total estão sendo ofertadas 135 vagas para cargos de técnico (nível médio) e analista (nível superior), mas os candidatos também contam com formação de cadastro reserva em algumas carreiras. Após a prova e homologação do resultado, o órgão deve realizar o resto do processo de seleção em até dois anos, caso não seja prorrogado.

Atualmente o quadro de pessoal da Defensoria Pública do RS conta com 383 cargos vagos, entre analista, técnico e defensor, então é possível que futuramente sejam nomeados mais candidatos que o número de vagas oferece.

As inscrições poderão ser realizadas a partir da próxima segunda-feira, 17 de julho, e acabam no dia 2 de agosto de 2017, e podem ser realizadas no site da FCC. Para participar do processo os candidatos precisam pagar taxa de inscrição no valor de R$ 80,00, para cargos de nível médio, e R$ 182,41, para cargos de nível superior.

Veja como serão avaliados os candidatos abaixo.

Cargos do concurso Defensoria RS
A oferta está dividida em cargos de nível médio e superior, conforme abaixo.
Nível superior (graduação na respectiva área de atuação)

– Analista – Processual
Analista – Contabilidade
Analista – Economia
Analista – Administração
Analista – Arquitetura
Analista – Engenharia Civil
Analista – Engenharia Elétrica
Analista – Biblioteconomia
Analista – Arquivista
Analista – Comunicação Social
Analista – Saúde – Farmácia
Analista – Saúde – Psicologia
Analista – Saúde – Assistência Social
Analista – Tecnologia da Informação – Infraestrutura e Redes
Analista – Tecnologia da Informação – Banco de Dados
Analista – Tecnologia da Informação – Desenvolvimento de Sistemas
Analista – Tecnologia da Informação – Segurança da Informação
Nível médio (nível médio completo e ou curso técnico para algumas especialidades)

– Técnico – Administrativa (apenas nível médio completo)
Técnico – Apoio Especializado – Edificação
Técnico – Apoio Especializado – Segurança do Trabalho
Técnico – Apoio Especializado – Segurança (nível médio + Carteira Nacional de Habilitação, categoria D ou E)
Técnico – Apoio Especializado – Logística
Técnico – Apoio Especializado – Informática
As remunerações dos cargos, acrescidas das vantagens pecuniárias, variam de R$ 3,5 mil a R$ 6 mil para carga de 40h semanais.

Etapas do concurso Defensoria Pública RS (DPE RS) 2017
Para todos os cargos de Analista e Técnico os candidatos precisarão passar pelas etapas seguintes:

I – Primeira Fase, constituída de provas escritas, eminentemente com 60 questões objetivas e de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório, com itens de: língua portuguesa, raciocínio lógico-matemático, legislação institucional e conhecimentos específicos para o exercício do cargo e sua especialidade. A prova objetiva será aplicada no dia 17 de setembro de 2017.
II – Segunda Fase, constituída de provas escritas, eminentemente com questões discursivas, de caráter eliminatório e classificatório,
III – Terceira Fase, assim estabelecida:
a) para os cargos de analista, análise de títulos, de caráter eminentemente classificatório;
b) Prova prática de capacidade Física para o cargo de técnico na especialidade segurança, programada para ser realizada no dia 19 de novembro de 2017.

Critérios para aprovação no concurso DPE RS 2017
Serão considerados aprovados, na prova objetiva, os candidatos que obtiverem no mínimo 40% (quarenta por cento) de acertos em cada uma das matérias de língua portuguesa, raciocínio lógico-matemático, legislação institucional e conhecimentos específicos, e possuir média aritmética final igual ou superior a 50% (cinquenta por cento) dos pontos totais da prova.

A prova discursiva, realizada na Segunda Fase do concurso, versará sobre os conhecimentos específicos para o exercício do cargo e sua especialidade, e a nota mínima para a aprovação é de 5 pontos.

Último concurso DPE RS
O primeiro/último concurso DPE RS foi realizado em 2012 e organizado pela Fundação Carlos Chagas (FCC). Na ocasião foram oferecidas 398 vagas para as carreiras de técnico e analista, de níveis médio e superior, respectivamente. As especialidades foram as mesmas mencionadas acima, e os candidatos avaliados conforme abaixo para os principais cargos.

Nomeações do último concurso DPE RS
A excelente notícia para os candidatos que programa preparar-se para o concurso DPE RS pode ser vista no quantitativo de convocados. É que durante a validade, de um ano, prorrogado, a DPE-RS convocou mais de 1.000 servidores apesar da oferta do edital de 2012 ofertar apenas 398 vagas.

Parte desse grande número de convocados foi para a função de Técnico (administrativa) – cuja exigência de escolaridade é de nível médio – com mais de 450 nomeados. Outro quantitativo interessante é na área de Analista – Processual, que exige formação em Direito, tendo sido chamados 312 novos servidores.

Acesse a prova e o gabarito do último concurso Defensoria RS
Técnico – Administrativa: PROVA | GABARITO

Analista – Processual: PROVA | GABARITO

Detalhes concurso Defensoria RS:
Concurso: Defensoria Pública do Rio Grande do Sul (Concurso DPE RS)
Banca organizadora: Fundação Carlos Chagas (FCC)
Cargos: Analista; Técnico
Escolaridade: nível médio e superior
Número de vagas: 135
Remuneração: até R$ 5 mil
Inscrições: Entre 17 de julho e 2 de agosto de 2017
Valor da inscrição: R$ 80 e R$ 182,41
Data da prova objetiva: 17 de setembro de 2017
Fonte:Blog Gran Cursos

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*