TJ/RS: edital será publicado na próxima quinta (29)

Sede Tribunal de Justiça - RS

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ/RS) já confirmou que a publicação do edital do seu novo concurso público para os cargos de técnico e analista judiciários será feita na próxima semana, mais precisamente na quinta-feira, dia 29 de junho. As inscrições serão recebidas no período de 3 a 24 de julho e a aplicação das provas será feita no final de agosto.

A seleção será para formar cadastro reserva de pessoal em diversas áreas de atuação, para preenchimento de acordo com as necessidades que forem surgindo durante o prazo de validade do certame. As inscrições poderão ser feitas somente pela internet, na página eletrônica da banca organizadora, a Fundação de Apoio à Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Faurgs).

A seleção vem sendo aguardada desde 21 de março, quando anunciada, durante a sessão do conselho de magistratura (Comag), com voto favorável do 1º vice-presidente do órgão, desembargador Carlos Eduardo Zietlow Duro, acompanhado pelos demais membros do conselho.

Para concorrer ao cargo de técnico judiciário é necessário possuir apenas ensino médio completo, com remuneração inicial de R$ 3.860,28. No caso de analista judiciário, a exigência é de nível superior, com inicial de R$7.352,93. As taxas, já definidas, serão de R$ 64,03 para os cargos de técnico e R$ 79,22 para analistas.

Último Concurso
A expectativa é de que a seleção seja para as mesmas carreiras do concurso realizado pelo tribunal em 2012, cujo prazo de validade foi encerrada na última quarta-feira, 21 de junho.

Na ocasião, a oferta foi de 132 vagas, para os cargos de analista judiciário – ciências jurídicas e sociais (34 vagas), analista judiciário– área administrativa – administração, ciências contábeis e economia (19),analista judiciário – área de apoio especializado em engenharia civil (3), elétrica(1) e mecânica (1)l, analista judiciário – área apoio especializado especialidade estatística (1), taquígrafo forense (1), bibliotecário judiciário(1), historiógrafo (1), assistente social (1), arquiteto (1), técnico judiciário nas áreas judiciária e administrativa (59), desenhista (2) e auxiliar de comunicação (6). A banca organizadora, na ocasião, também foi a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande doSul (FAURGS).

Para cargos de nível superior, a seleção contou com prova objetiva composta de 80 questões e para os de ensino médio, 70 questões. Para taquígrafo, a seleção também contou com prova discursiva e avaliação prática.
Fonte:jcconcursos.uol.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*