Concurso Ministério Fazenda: 4.341 vagas para diversas carreiras de nível médio e superior!

Excelente oportunidade anunciada para os candidatos que desejam ingressar nas carreiras fazendárias. No último dia 25, a solicitação para realização de concursos para órgãos ligados ao Ministério da Fazenda (Concurso Ministério da Fazenda), como Receita, Tesouro Nacional, CVM e outros, foi protocolada no Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, a que caberá o aval para realização do certame – veja abaixo.
Mais de 4 mil vagas pedidas
Segundo informações do Sistema Eletrônico do Serviço de Informação ao Cidadão (e-SIC), do governo federal, fora pedidas 4.341 vagas distribuídas entre o seu próprio quadro de pessoal e de outros órgãos vinculados. A oferta contempla chances em diversos outros órgão. O maior quantitativo é para a carreira de ATA e analista administrativo.

Para esses dois cargos já havia sido aberto, inclusive, processo de remoção interno, o que caracteriza a necessidade de que sejam abertas vagas para ambas as funções. Esse processo tem o objetivo de verificar os locais com maior deficiência de servidores. Segundo informações extraoficiais, a prioridade para este ano será o concurso ATA e para analista administrativo.

Detalhes das vagas solicitadas
– Auditor-fiscal (630 postos) – RFB;
– Analista tributário (1.453) – RFB;
– Auditor federal de finanças e controle (30) – STN;
– Técnico de finanças e controle (70) – STN;
– Procurador da Fazenda (240) – PGFN;
– Assistente técnico administrativo (904) – MF;
– Analista técnico administrativo (257);
– Arquiteto (12);
– Arquivista (9);
– Bibliotecário (12);
– Contador (53);
– Engenheiro (15);
– Enfermeiro (5);
– Pedagogo (6);
– Psicólogo (6);
– Técnico em comunicação social (22);
– Inspetor da CVM (16);
– Analista da CVM (30);
– Agente executivo da CVM (82);
– Analista técnico da Susep (55);
– Especialista em previdência social (48);
– Analista administrativo (23);
– Técnico administrativo (39);
– Administrador (11); e
– Atuário (7).

De acordo com a Lei de Orçamentária Anual (LOA), que foi aprovada pelo Congresso e sancionada pelo governo federal, há expectativa pela abertura de vagas para a carreira, além de chances para auditor e analista da Receita Federal, porém esses dois cargos contemplarão edital MF somente no próximo ano. No momento, um grupo tem trabalhado na reestruturação do órgão, o que permitirá um melhor alocação dos servidores – veja abaixo a previsão da LOA.

Requisitos do concurso Ministério Fazenda
O cargo de assistente técnico-administrativo tem requisito apenas do ensino médio completo e paga remuneração inicial de R$ 4.137,97. As contratações são pelo regime estatutário, que prevê estabilidade, e a remuneração informada já inclui o auxílio-alimentação, de R$ 458.

O cargo tem como atribuições básicas a execução de atividades técnicas, administrativas, logísticas e de atendimento, de nível intermediário, relativas ao exercício das competências constitucionais e legais a cargo do Ministério da Fazenda, ressalvadas as privativas de carreiras específicas, fazendo uso de todos os equipamentos e recursos disponíveis para a consecução dessas atividades, além de outras atividades de mesmo nível de complexidade em sua área de atuação.

Deficit da carreira de ATA do Ministério Fazenda
De acordo com levantamento do MF,com exceção das entidades vinculadas ao MF (CVM e SUSEP), todos os outros órgãos apresentaram demandas por servidores do PECFAZ (Plano Especial de Cargos do Ministério da Fazenda).

Do quantitativo total de cargos solicitados no último pedido de concurso pelos 13 órgãos do MF, 35,34% refere-se aos cargos de Assistente Técnico Administrativo (ATA — NI).

Por esse motivo, o órgão alerta para as vacâncias prematuras por posse em cargo público inacumulável e para a questão da aposentadoria. “Esses fatos merecem atenção especial e justificam a necessidade de ingressos não só em 2017, mas continuadamente, ano após ano de forma a manter-se o quadro de apoio estável”, diz a nota.

Último concurso Ministério Fazenda – ATA
O último concurso para assistente técnico-administrativo do Ministério da Fazenda aconteceu em 2014, tendo oferta de 1.026 vagas.

A seleção foi feita exclusivamente por meio de provas objetivas de:

– Língua Portuguesa,
– Matemática e Raciocínio Lógico,
– Conhecimentos de Informática, Atualidades,
– Gestão de Pessoas e do Atendimento ao Público,
– Ética do Servidor na Administração Pública,
– Administração Pública Brasileira e
– Regime Jurídico dos Agentes Públicos.

Foram 263.770 inscritos para as 1.026 vagas oferecidas, representando uma média de 257 candidatos por vaga).

Detalhes do concurso Ministério Fazenda:
Concurso: Concurso Ministério Fazenda
Banca organizadora: Esaf
Cargos: Diversos
Escolaridade: Nível médio e superior
Número de vagas: a definir
Remuneração: Até R$ 20 mil
Situação: Pedido em análise
Previsão de publicação do edital: 2017/2018
Link do último edital
Fonte:Blog Gran Cursos

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*