Concurso para Câmara de Goiânia: previsão de 84 vagas

Câmara de Vereadores de Goiânia - GO

A Câmara Municipal de Goiânia deve realizar concurso público em breve. O primeiro passo já foi dado: foi criada a comissão responsável pela seleção e a portaria, que oficializa a criação, foi publicada no Diário Oficial de Goiânia nesta segunda-feira, 3 de abril. A previsão é que sejam ofertadas 84 vagas imediatas, mais formação de cadastro de reserva para diversos cargos.

Em outubro de 2016, a Câmara de Vereadores de Goiânia assinou o termo de ajustamento de conduta (TAC) com o Ministério Público de Goiás, para realização de novo concurso. Na ocasião, o documento havia sido assinado pelo presidente da Câmara, Anselmo Pereira, e a promotora Villis Marra, titular da 78ª Promotoria de Justiça de Goiânia.
Confira a lista dos cargos que devem ser ofertados

Diante disso, a Câmara Municipal havia se comprometido em reivindicar a edição de lei municipal, para que houvesse autorização da criação dos cargos para a nova seleção. Quando questionado sobre a publicação do edital, em fevereiro deste ano, foi informado no site do órgão que:

“O Projeto de Lei n° 259/2016, que prevê a criação de cargos para a Câmara Municipal de Goiânia, já foi aprovado em primeira votação e aguarda parecer da comissão temática. A data para a realização do concurso só pode ser estabelecida após a criação dos cargos se tornar lei e isso depende da tramitação legislativa, ou seja, de emendas e alterações que o projeto pode sofrer na comissão e no plenário.”

A expectativa é que os cargos e vagas ofertadas sejam os mesmos do TAC. No documento, entre outros, há o cargo de agente administrativo, que tem oferta de 27 vagas, além de cadastro de reserva para outras três. Este cargo costuma ter como exigência o ensino médio completo, mas a confirmação só virá com o edital. O TAC traz ainda outros 19 cargos, que são:

– Procurador Jurídico Legislativo – 8 vagas
– Assessor Técnico Legislativo – Gestor Ambiental: 1 vaga
– Assessor Técnico Legislativo – Medicina (clínico geral): 1 vaga
– Assessor Técnico Legislativo – Medicina do Trabalho: 2 vagas
– Assessor Técnico Legislativo – Psicologia: 1 vaga
– Assessor Técnico Legislativo – Contabilidade: 5 vagas – cadastro de reserva: 1 vaga
– Assessor Técnico Legislativo – Assessoria Geral: 8 vagas
– Assessor Técnico Legislativo – Fisioterapia: 1 vaga
– Assessor Técnico Legislativo – Enfermagem do Trabalho: 1 vaga
– Analista de Sistemas: 4 vagas
– Gestor Público: 2 vagas – cadastro de reserva: 2 vagas
– Fotógrafo: 2 vagas
– Assessor para Assuntos Legislativos: 4 vagas – cadastro de reserva: 2 vagas
– Agente de Segurança do Legislativo: 8 vagas
– Atendente de Recepção e Cerimonial: 1 vaga – cadastro de reserva: 3 vagas
– Motorista: 1 vaga – cadastro de reserva: 3 vagas
– Agente Administrativo: 27 vagas – cadastro de reserva: 3 vagas
– Técnico em Informática: 4 vagas – cadastro de reserva: 2 vagas
– Técnico em Segurança do Trabalho: 2 vagas
– Técnico em Telecomunicações: 1 vaga

Além disso, ficou firmado também no TAC, que a Câmara irá nomear 30% dos aprovados no concurso, no prazo de 60 dias após a homologação da seleção, e o porcentual restante no prazo de validade do concurso.

A previsão inicial era que o edital do concurso fosse publicado em 31 de dezembro de 2016. Agora, com a comissão já formada, a expectativa é que o trabalhos sejam iniciados e que, desta forma, a empresa organizadora seja escolhida e em seguida o edital do concurso seja elaborado e divulgado em breve.

Segundo a Assseria de Comunicação do Ministério Público de Goiania (MP-GO), “em caso de descumprimento total ou parcial das obrigações assumidas, a multa foi estipulada em R$ 1 mil ao agente político que lhe der causa, além de multa diária de 10% do salário mínimo por dia de atraso. Os valores dessas multas serão revertidos para o Fundo Nacional de Defesa dos Interesses Difusos.”
Fonte:Folha Dirigida

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*