Concurso IPAMB – PA está cada vez mais próximo

Instituto de Previdência e Assistência do Município de Belém - PA

O Instituto de Previdência e Assistência do Município de Belém (Ipamb), no Estado do Pará, tem novo concurso público confirmado. Saiu a portaria nº 752/2017 que institui a comissão que ficará responsável pela seleção. A oferta será para cargos imediatos e formação de cadastro de reserva. Além dessas informações, sabe-se que a empresa organizadora já está escolhida. Em breve, devem ser liberadas mais informações sobre o concurso Ipamb – PA.

Concurso Ipamb – PA já tem organizador escolhido
A instituição organizadora será a Assessoria em Organização de Concursos Públicos (Aocp), que foi contratada para planejar e organizar o concurso Ipamb 2017. Os servidores que irão integrar a comissão do concurso já estão nomeados. O objetivo é suprir a necessidade de profissionais, para reposição de seu quadro de pessoal.

O Ipamb é um órgão gestor do Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) e do Plano de Assistência Básica à Saúde e Social (PABSS), destinado aos servidores públicos municipais ativos, inativos, pensionistas e dependentes. O órgão atualmente presta serviços como aposentadoria, financiamentos, convênios médicos, pensões, perícia médica, entre outros.

O último concurso para o Ipamb ocorreu em 2011 e oferecia 265 vagas em cargos que exigiam os níveis fundamental, médio e superior. A empresa organizadora foi o Centro de Extensão, Treinamento e Aperfeiçoamento Profissional (Cetap). A distribuição de vagas se deu da seguinte maneira para o nível fundamental: auxiliar de serviços gerais (12), auxiliar de Administração (33), auxiliar de Saúde Bucal (8), eletricista (1), encanador (1), motorista (8), telefonista (2).

Para quem possuía ensino médio, as vagas eram as seguintes: assistente de Administração (35), técnico em Eletrônica (2), técnico em Enfermagem (16), técnico em Informática (2), técnico em Laboratório (2), técnico previdenciário (10), técnico em Refrigeração (1) e técnico em Segurança do Trabalho (2).

A maior oferta de cargos foi para aqueles que exigem nível superior: administrador (2), analista de investimentos (1), assistente social (5), atuário (1), citologista (1), contador (3), controlador interno da Administração(1), controlador interno da Contabilidade (1), economista (1), enfermeiro (12), enfermeiro com especialização em Auditoria em Saúde (2), engenheiro de Segurança do Trabalho (1), estatístico (1), farmacêutico (1), farmacêutico – bioquímico (2), fisioterapeuta (4), fonoaudiólogo (2), nutricionista (2), odontólogo (2), odontólogo com especialidade em Endodontia (1), odontólogo com especialidade em Odontopediatria (1), psicólogo (4), técnico em Gestão de Arquivos (1), técnico programador de computador (1), técnico em Gestão de Informática (3) e técnico em Gestão de Pessoas (2).

Para a área de Medicina, no último concurso, também foi grande a oferta de cargos: alergologista (1), angiologista (1), médico com especialidade em Auditoria Médica (13), cardiologista (2), cirurgião geral (1), clínico médico (2), dermatologista (3), endocrinologista (3), gastroenterologista (1), geriatra (1), ginecologista/obstetra (1), mastologista (1), médico com especialidade em Medicina do Trabalho (4), nefrologista (1), neurologista (3), oftalmologista (1), ortopedista (3), otorrinolaringologista (2), pediatra (3), perito médico (1), pneumologista (1), psiquiatra (2), radiologista (3), reumatologista (1), médico com especialidade em Urgência e Emergência para adultos (10) e crianças (6) e urologista (1).
Fonte:Folha Dirigida

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*