IBAMA também quer vagas de nível médio em seu novo concurso

Ministério Meio Ambiente

Com a responsabilidade grandiosa de zelar pela fauna e flora brasileira, o Ibama é um órgão que precisa funcionar a contento para poder obter os resultados desejados por toda a população. E para que isso seja possível, um dos fatores é o número adequado de profissionais na ativa. Em razão desse cenário, será encaminhado ao Ministério do Planejamento a solicitação de abertura de concurso 2017 Ibama para 1.529.

Veja distribuição das vagas por cargos no Ibama
Para o concurso Ibama 2017 serão pedidas 180 oportunidades para analista administrativo, 500 para analista ambiental e mais 849 para todos os cargos, entre eles os de nível médio, para tomar posse de forma escalonada ao longo dos três próximos anos. Embora o Ibama não tenha informado a distribuição dessas 849 vagas, a Assessoria de Comunicação da autarquia confirmou que parte das oportunidades será para técnico administrativo e técnico ambiental, cargos que oferecem, hoje, remuneração de R$ 3.712,72, já incluso auxílio-alimentação.

Uma outra parte contemplará também as funções de analista administrativo e analista ambiental, de nível superior, com remunerações de R$ 7.760,45. Embora o quantitativo de vagas para técnicos não tenha sido definido, o presidente da Associação dos Servidores Federais da Área Ambiental no Distrito Federal (Asibama-DF) Jonas Moraes, em entrevista a FOLHA DIRIGIDA, afirmou que a demanda, face às aposentadorias, é grande.

Os cargos técnicos são boas oportunidades para quem se identifica com o órgão e quer ter uma primeira experiência profissional, sendo incumbido de exercer grandes responsabilidades no suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais do Ibama. Mas, para isso, o estudo antecipado é necessário. Tradicionalmente, concursos para o Ibama oferecem vagas para todas as unidades da federação, com uma relação candidato/vaga alta.

Outro fator que reforça a realização desse concurso é que o último, para o cargo de técnico administrativo, já tem seu prazo de validade expirado. Realizado em 2012 pelo Cespe/UnB (atual Cebraspe), foram oferecidas seis vagas para o Rio de Janeiro. No certame, foram exigidos dos candidatos conhecimentos de Língua Portuguesa, Noções de Informática, Atualidades, Matemática, Ética no Serviço Público, Noções de Direito Constitucional, Direito Administrativo, Legislação do Setor de Meio Ambiente, Noções de Administração, Noções de Gestão de Pessoas e Noções de Arquivologia, aplicados em questões objetivas.
Fonte:Folha Dirigida

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*