Confirmado cronograma do concurso do TRF-RJ/ES. Confira!

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região, no Rio de Janeiro e Espírito Santo, divulgou, por meio da sua Assessoria de Imprensa, o novo cronograma do concurso para técnicos e analistas judiciários, aprovado na última sexta-feira, dia 7, pela presidência do órgão. Segundo esse calendário, o edital está previsto para sair até o próximo mês, quando serão abertas as inscrições, no site da Consulplan, organizadora. As aguardadas provas objetivas, também de acordo com o cronograma, estão programadas para janeiro de 2017. A imagem do suposto cronograma está reproduzida logo abaixo.

rsz_trf
A confirmação de realização das provas no ano que vem é excelente para os milhares de candidatos, que pediam isso ao TRF, para terem mais tempo de estudo. Após a definição das metas, o tribunal se concentra, agora, na assinatura do contrato com a Consulplan, instituição que venceu o pregão eletrônico e que ficará responsável por receber inscrições e aplicar as provas. Segundo o TRF, a assinatura do contrato com a banca está prevista para ocorrer até esta sexta-feira, dia 14.

Logo após a remoção desse entrave, os preparativos serão ainda mais intensificados, rumo à divulgação do edital no fim deste mês ou no início de novembro. O calendário informa ainda que as provas práticas dos técnicos de segurança e transporte e de Telecomunicações e Eletricidade estão programadas para fevereiro ou março de 2017. A homologação do concurso, no caso dos cargos sem prova prática, está prevista para abril de 2017. Para as demais funções, com exame prático, o TRF espera a homologação em maio do próximo ano. As chamadas deverão acontecer logo após isso, de forma imediata, tendo em vista as necessidades de pessoal e as saídas por aposentadoria.

O concurso do TRF é o mais aguardado no âmbito federal, tendo em vista os vários atrativos da disputa. Além das boas remunerações, de R$7.111,06 para técnicos, a partir do próximo mês, e de R$11.063 para analistas, há direito a uma série de benefícios. Os servidores do TRF têm direito a auxílios-transporte (variável), alimentação, de R$458 (já incluído na remuneração mencionada); reembolso parcial e proporcional de creche e participação na assistência médico-hospitalar (titular e dependentes).

O plano de cargos do órgão também merece destaque. Além de prever a chegada ao ápice das carreiras em, pelo menos, 13 anos, há as valorizações salariais. Hoje, um técnico se aposenta com R$9.853,94, e o analista, com R$15.562,78. O regime de contratação é o estatutário (estabilidade). O destaque da disputa é o técnico judiciário sem especialidade, de nível médio e que deverá ter a maior procura. O analista administrativo, para graduados em qualquer área.
Fonte:Folha Dirigida

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*